Escritor
Compositor

WhatsApp Image 2022-03-24 at 18.59.27 (1).jpeg
PRÉ-VENDA!.png

Olá! Eu sou Bert Jr., escritor e, de vez em quando, compositor. Além do som das palavras, gosto também de ouvir música e meditar em silêncio, se possível acompanhado de um bom charuto. Em momentos assim costumam surgir ideias para os meus poemas e o enredo das minhas estórias. Nasci em Porto Alegre. Sou formado em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e em Diplomacia pelo Instituto Rio Branco.


Aos 18 anos, tive dois poemas premiados num concurso em que Mario Quintana e Lya Luft eram membros do júri. Apesar de haver começado cedo, meu primeiro livro solo de poesia só aconteceu  em 2021. Estou falando de Eu canto o ípsilon E mais, que sintetiza minha trajetória poética. 


A estreia na prosa se deu em 2020, quando publiquei Fict-Essays e contos mais leves: sete estórias de fundo humorístico, bastante diversas entre si, com personagens um tanto curiosos. Um livro que diverte e, ao mesmo tempo, estimula a reflexão sobre temas atuais. Considero o humor como uma das essências da identidade cultural brasileira.


Meu mais recente lançamento se chama Do Incisivo ao Canino. Nesse meu novo livro de contos busco sacudir o leitor e cativá-lo com narrativas que provocam sensações marcadamente diversas. O estranhamento em relação ao outro, e também a si mesmo, é tema central, comum às estórias do livro. 
 

Convido a conhecer as sinopses dos meus livros clicando em “As Obras”, no menu de opções.

WhatsApp Image 2022-05-10 at 13.30.18.jpeg

PRÉ-VENDA!

A narrativa vai do incisivo ao canino nestes contos em que o tema da alteridade se faz central. Utilizei diferentes dosagens de humor para abordar o complicado das relações interpessoais. As estórias podem exalar uma atmosfera onírica, como em Alma e Outros, ou incluir pinceladas de mistério, como em Tutua e Zunzum quântico. 

Do Incisivo ao Canino está na pré-venda e você já pode matar toda a curiosidade sobre meus novos personagens e todas as pinceladas dosadas entre humor, romance, horror. Está imperdível!  

"Tirei essa expressão do inglês ‘fictional essay’. Tal como entendo, um  ‘fictional essay’, ou ensaio fictício, seria um ensaio sobre um assunto imaginário, ou utilizando argumentos fantasiosos, mas pretensamente científicos."
                                             
Bert JR.